F:\PRODUÇÕES\2020\MJ - ABR 20\ANGOLA-CUBA - 04..jpg
África SubsaharianaArtículosDestacadoImperialismo e InternacionalismoVenezuela/América Latina

Bajo el espíritu de la Operación Carlota

SOB O ESPÍRITO DA OPERAÇÃO CARLOTA!

Neste momento em que a civilização passa por duras provas de humildade em busca dum amor solidário que tanto tem sido rarefeito, neste momento em que a arrogância, em particular a arrogância imperial, se esvai inexoravelmente face ao abismo que começa a atingir toda a humanidade, a pátria de Agostinho Neto mereceu de Cuba Revolucionária o sinal matriz do espírito que um dia norteou a Operação Carlota, pois o que cria unidade, o que cria amizade, o que cria solidariedade, o que faz vencer barreiras de distanciamento geográfico e físico, o que cria dignidade por via de práticas vitais nas horas decisivas, é mesmo a ideologia, não a geografia!

Para África, em reforço do movimento de libertação, Cuba honra o passado, a sua história e a história da trincheira exemplar que tem cultivado desde os primeiros dias de sua Revolução, a memória pungente da escrava Carlota que vem ao de cima quando os povos africanos e cubano duras provas têm de enfrentar!

É assim a cultura de amizade solidária entre Cuba e Angola, num exemplo que humildemente e com todo o amor solidário, toda a humanidade deve reconhecer, sinalizar, aprender e saber cultivar, por que, ainda segundo a sabedoria de Fidel que jamais se deve esquecer, “há uma espécie em perigo de desaparecer: o homem”!… (https://www.youtube.com/watch?v=JF67BSRjTYc; http://jornaldeangola.sapo.ao/mundo/numero-de-mortos-em-africa-pela-covid-19-sob-para-693).


01- Dia 10 de Abril de 2020, Cuba correspondeu à solicitação de Angola, a fim de reforçar as capacidades para fazer face à amaça da pandemia em todo o seu vasto território nacional! (http://www.cubadebate.cu/noticias/2020/03/27/brigada-medica-cubana-llegara-a-angola-para-combatir-nuevo-coronavirus/#.Xn86gCZCdjo).

À solicitação do camarada Presidente João Lourenço por via dos serviços de saúde, correspondeu o camarada Presidente da República Diaz-Canel, evocando o exemplo e a obra do Comandante Fidel:

“Cada acción de nuestros médicos, de nuestros científicos, de nuestro pueblo… para enfrentar la epidemia, para espantar la muerte, es un monumento a Fidel, a su visionaria obra humanitaria y a su fe martiana en que lo mejor del ser humano prevalece cuando se alienta, se reconoce y estimula”. (http://www.cubadebate.cu/noticias/2020/04/10/diaz-canel-si-estamos-enfrentando-con-exito-la-covid-19-es-por-la-obra-de-la-revolucion/#.XpGK6Mj7TIU; https://twitter.com/DiazCanelB/status/1248939175488913411).

A resposta cubana foi pronta e inestimável como em 1975, quando o camarada Presidente António Agostinho Neto solicitou a ajuda da Revolução Cubana sob a liderança do Comandante Fidel, face às terríveis ameaças de então, na hora decisiva do MPLA cumprir com o seu Programa Mínimo alcançando a independência de Angola! (https://rebelion.org/fidel-y-su-filosofia-de-la-vida/; http://www.radiorebelde.cu/noticia/el-poder-ideas-es-unidad-pueblo-20101117/).

A Operação Carlota foi imprescindível e o Comandante Fidel escolheu a memória da heroicidade da escrava Carlota para dar um significado maior à prova imensa de solidariedade e internacionalismo de então, (http://www.granma.cu/granmad/secciones/30_angola/artic01.html) num sinal que não acabou nesse lapso de tempo em que ela existiu com armas na mão, antes se prolongou no seu espírito, até aos nossos dias! (https://paginaglobal.blogspot.com/2019/09/trump-procura-neutralizar-cubafrica.html; https://aveiro123.blogspot.com/2016/05/a-retomada-do-territorio-angolano-ha-40.html; https://rebelion.org/cuba-africa-una-isla-en-un-continente/).

Face às ameaças cada vez maiores e mais inesperadas que pendem sobre a humanidade, esse espírito aí está, vindo reforçar Angola precisamente no 15º dia da declaração do primeiro Estado de Emergência que Angola experimentou! (http://jornaldeangola.sapo.ao/politica/decreto-presidencial-1; http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/saude/2020/3/15/COVID-Angola-horas-sem-casos-positivos,606518ba-f497-4aa2-a963-bdfebc38a07a.html).

Essa sim é uma prova inconfundível da lógica com sentido de vida que toda a humanidade deve começar a cultivar, num século XXI em que as ameaças e os riscos de toda a ordem se vão inexoravelmente multiplicar, no rescaldo das profundas alterações climático-ambientais provocadas pela irracionalidade humana! (https://twitter.com/CubaMINREX/status/1248686933225635847).

Apoiar os esforços da OMS é hoje ainda mais importante que nunca, por que além do mais é uma organização capaz de articulação, de integração e de atenção constante para o progresso das ciências que respondem a sucessivas crises entre epidemias e a actual pandemia!… (https://www.digitalcongo.net/article/5e90475231ceaf0004bef553/).

Haverá vida sem amor?… Haverá solidariedade sem amor?… Haverá internacionalismo em época de globalização sem amor?… (http://www.juventudrebelde.cu/cuba/2015-11-05/la-operacion-carlota-constituyo-una-extraordinaria-hazana-de-nuestro-pueblo-fotos; https://twitter.com/CubaMINREX/status/1248621036939034626).

 

02- A Brigada heroica Henry Reeve destacou para Angola 257 dos seus membros, muitos deles já experimentados noutras partes do mundo sempre que houve ameaças similares, ainda que de envergadura mais localizada ou pontual! (https://www.ecured.cu/Henry_Reeve; https://paginaglobal.blogspot.com/2020/03/brigada-medica-cubana-llegara-angola.html; https://web.archive.org/web/20150923201222/http://www.cctt.cl/correo/index.php?option=com_content&view=article&id=1259:inauguracion-hospital-cubano-en-rancagua-tras-terremoto-y-tsunami-en-chile&catid=26).

Recordam-se as duras provas nos terremotos no Haiti, ou no Paquistão, as duras provas da cólera no Haiti, as duras provas da ébola em África (https://www.paho.org/hq/index.php?option=com_content&view=article&id=13375:cubas-henry-reeve-international-medical-brigade-receives-prestigious-award&Itemid=42353&lang=es)… ali onde o flagelo dói mais, ali se manifestou o amor e a solidariedade cubana por via da prestigiada Brigada Henry Reeve (https://web.archive.org/web/20141210092538/http://www.bvs.sld.cu/revistas/revistahm/numeros/2006/n18/Art/Contingente%20Henry%20Reeve.php), honrando a memória desse insigne internacionalista estado-unidense que dedicou sua vida por Cuba, como a memória da escrava Carlota… são esses os ensinamentos de Marti e do Comandante Fidel, exemplarmente e com obra feita, honrar decididamente honrar o passado e a nossa história, por que de facto “Pátria é humanidade”! (https://web.archive.org/web/20070929125152/http://www.zmag.org/content/showarticle.cfm?ItemID=8788; http://www.fidelcastro.cu/pt-pt/discursos/discurso-no-acto-de-constituicao-do-contingente-internacional-de-medicina-henry-reeve; https://twitter.com/PresidenciaCuba/status/1248919832440995842; https://plataformacascais.com/plataformacascais/component/tags/tag/africa.html).

São esses também os ensinamentos para quem um dia, nas horas mais dramáticas e mais difíceis se juramentou para defender a pátria angolana, algo que urge respeitar desde a verdade histórica que isso implica! (http://www.granma.cu/mundo/2015-10-20/oms-califica-de-ejemplo-a-seguir-el-sistema-de-salud-cubano?page=3).

 

03- Os 257 membros da Brigada Henry Reeves vão preencher durante 10 dias um período curto de quarentena, para depois se distribuírem por 164 municípios do país, acompanhados por 1.500 profissionais de saúde angolanos, que vão assim fazer escola a quente, nos procedimentos, obrigações e deveres na primeira linha das ameaças que Angola enfrenta, face a esta pandemia, mas também face ao paludismo, doenças diarreicas, doenças pulmonares, doenças provocadas pela desnutrição, pela miséria e pela fome!… (http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/saude/2020/3/15/COVID-Cubanos-iniciam-funcoes-dentro-dias,59a18501-a171-4d57-83d9-dfb8a79ec682.html).

Desde agora na saúde em Angola nada vai ser como antes, por que para “corrigir o que está mal e melhorar o que está bem”, os parâmetros neoliberais que têm impactado o país durante pelo menos três décadas devem-se inexoravelmente começar a esvair, por que lembro com toda a reverência, “o mais importante é resolver os problemas do povo” sim, “honrando o assado e a nossa história”! (http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/saude/2020/3/15/COVID-Medicos-cubanos-formam-1500-angolanos,43df7e66-9e88-459b-8fc0-4d1af141d8ef.html; http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/saude/2020/3/15/COVID-Mais-dois-angolanos-internados-Portugal,5c16a0b0-f8e8-4ae4-9c81-437f99d715b4.html).

Os Comités Municipais e Provinciais do MPLA têm uma palavra a dizer sobre tudo isto, reforçando a identidade histórica para com o povo angolano, nesta trilha inequívoca de lógica cm sentido de vida que deve permanecer como uma escola para todos nós, humildes aprendizes em pleno século XXI! (http://jornaldeangola.sapo.ao/politica/maioria-dos-cidadaos-de-luanda-defende-estado-de-emergencia).

Toda a estrutura do MPLA deve-se sensibilizar e mobilizar de-alto-a-baixo em uníssono com esse esforço de amplitude patriótica, convidando todas as outras sensibilidades para a conjugação de esforços em nome da vida! (http://jornaldeangola.sapo.ao/politica/namibe-partidos-satisfeitos-com-as-condicoes-dos-centros9; http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/politica/2020/2/10/UNICEF-centra-accao-fim-abusos-contra-crianca,72b39a44-87fb-4873-9839-5b892eefb032.html; http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/politica/2020/3/15/Covid-Dirigentes-MPLA-devem-doar-por-cento-salario,550c4428-0ff8-495d-9549-f6dee0ce138f.html).

A revisão do OGE deve corresponder aos desafios, iniciand a mudança de paradigma que a situação exige: o homem deve voltar a centro das atenções, deve ser a prioridade e a economia deve preparar-se para tal!… (http://jornaldeangola.sapo.ao/politica/revisao-do-oge-2020-sera-concluida-em-junho; https://www.abrilabril.pt/trabalho/trabalho-sofre-perdas-devastadoras-nivel-mundial; http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/economia/2020/3/15/Angola-pode-perder-seis-milhoes-dolares-dia-com-corte-petrolifero,ac1dbab5-e9b3-44af-867d-8bf7f62bc215.html; https://actualidad.rt.com/actualidad/349552-g20-reconocer-emergencia-internacional-elaborar-medidas-estabibilidad).

A última sessão plenária da Assembleia Nacional que prorrogou o Estado de Emergência foi um bom incentivo para tal, pois houve convergência ns contributos para lá da expressão nos votos, “Um só povo, uma só nação”, particularmente nestas horas decisivas, também para uma profícua cultura de paz! (http://www.angop.ao/angola/pt_pt/noticias/politica/2020/3/15/Parlamento-parecer-favoravel-prorrogacao-Estado-Emergencia,e5a05ab8-d7be-445d-8554-eef4ae01d011.html).

Esta é também uma oportunidade do povo angolano se conhecer e reconhecer melhor a si próprio, pois sabe-se que na altura da mudança de estação que se avizinha, das chuvas para o cacimbo, vamo-nos deparar com um incremento da pobreza, da miséria, da fome, do paludismo, de doenças pulmonares, da rarefacção da água potável, de problemas de sanidade de toda a ordem… (http://paginaglobal.blogspot.pt/2018/04/colocar-nossas-pernas-titubeantes-no.html).

Imaginam a imensidão de tarefas que há a desenvolver por esse sistema que se vai começar a pôr em marcha, a fim de salvaguardara vida para todo o povo angolano, imaginam quanto o povo angolano se tem de mobilizar, como “um só povo, uma só nação” para que haja mais felicidade, desenvolvimento sustentável, justiça social e harmonia para todos nós?… (https://paginaglobal.blogspot.com/2018/09/o-primeiro-comandante-em-chefe-de.html).

 

04- A Brigada Henry Reeves é para os angolanos uma incontornável fonte de inspiração, pelo que esta oportunidade que se abre a Angola face à terrível ameaça desta pandemia, é também a oportunidade que se abre à criação duma similar angolana apta a enfrentar o que vier por aí ao longo do século, em reforço da luta no campo vivencial da saúde, em Angola, em África e no mundo!… (https://aveiro123.blogspot.com/2016/07/63-anos-de-rebeldia.html).

As Forças Armadas Angolanas deverão no meu modesto entender, criar o embrião patriótico da similar angolana, tendo em conta os aspectos organizacionais e disciplinares que urge incentivar no arranque, assim como na dinâmica inicial da orientação e, ao honrar o passado e a nossa história, um dos nomes insignes que se poderão levar em devida conta como exemplo, é o do médico, guerrilheiro e patriota Américo Boavida, que além do mais constitui uma evocação permanente para todos nós!… (http://paginaglobal.blogspot.com/2011/11/ha-50-anos-avioes-da-nato-bombardeavam_16.html).

Se essa Brigada já tivesse sido criada, Angola surgiria nos cenários africanos com uma outra expressão de vanguarda que a União Africana deve aliás incentivar em nome do amor e da solidariedade que os povos africanos tanto carecem e dos processos articulados e integrados que estão por criar e desenvolver até pelos interstícios assimétricos desta IIIª Guerra Mundial pasto de caos, de terrorismo, de desagregação, de epidemias desconhecidas e desta primeira pandemia! (https://paginaglobal.blogspot.com/2020/04/iii-guerra-mundial-meditando-sobre.html; https://frenteantiimperialista.org/blog/2020/01/11/ahi-esta-la-iii-guerra-mundial/).

Urge a Brigada Américo Boavida, tanto em Angola como especialmente na República Democrática do Congo, como noutros lugares em que África se tem afundado em hecatombes de difícil resposta, pelo que a solidariedade entre Cuba Revolucionária e a República de Angola tem bastos motivos para recriar-se, crescer e multiplicar no espectro de sua acção!… (https://paginaglobal.blogspot.com/2020/04/a-vulnerabilidade-cronica-e.html; https://www.publico.pt/2020/04/11/ciencia/noticia/ebola-reaparece-rd-condo-dias-declarado-fim-epidemia-1911919; https://www.publico.pt/2019/07/17/ciencia/noticia/ebola-declarado-emergencia-global-saude-publica-1880338; https://www.digitalcongo.net/article/5e91ca87397ec000048f2135/; https://www.digitalcongo.net/article/5e919980397ec000048f2132/).

Nesse sentido os africanos e particularmente Angola, deverão começar a reforçar o saber científico cubano que até da emergente República Popular da China tem merecido reconhecimento e parceria!

Não faz sentido que África não se implique de qualquer modo em reforço da exemplar capacidade científica cubana, em sintonia e aproximação a ela, até por que muitas mais ameaças se estão a desenhar nos horizontes temporais próximos!…

 

05- Alguns fizeram-me sentir o seu desapontamento e até repúdio por que ousei reclamar “Quarentena para o MPLA”, que é de facto uma chama do movimento de libertação em África que se quer bem acesa, bem coerente e energeticamente vocacionada para a lógica com sentido de vida que tanto a todos deve nortear por uma civilização imprescindível para toda a humanidade!… (https://paginaglobal.blogspot.com/2020/04/quarentena-para-o-mpla.html).

Não se admirem, por que de vez em quando é necessário um forte abanão para acordarmos, em especial quando ao longo de décadas se viveu o pesadelo, o torpor neoliberal e seus tão nefastos impactos transversais de que ainda não se está livre (recordem-se os pendentes ainda por resolver)!… O que acontece na própria União Europeia, traz-nos também bruscas lições! (https://paginaglobal.blogspot.com/2020/04/repugnante.html).

Além do mais, está-se num período crítico em que a transição dentro do MPLA deve prevalecer e reforçar-se perante tantos desafios que se vêm impondo, pelo que não se deve interpretar qualquer tipo de indignação como um contraditório nocivo, em especial quando essa indignação busca fundamentos a fim de se ultrapassarem pendentes que pela natureza das profundas alterações externas como internas, perdem temporalmente justificação!

Sob a liderança do camarada Presidente João Manuel Gonçalves Lourenço, abre-se a oportunidade para assim proceder, “corrigindo o que está mal e melhorando o que está bem” (https://www.voaportugues.com/a/joao-lourenco-melhorar-o-que-esta-bem-corrigir-mal/4017873.html), em nome da vida e com a vida, sabendo sim, efectivamente em nome da paz, “honrar o passado e a nossa história”! (https://www.facebook.com/610235885747185/posts/1779828278787934/; https://www.youtube.com/watch?v=hqFAY0OhN6I).

O SINSE tem dado prova de amor solidário nessa trilha, conforme as amplas iniciativas no âmbito de sua tão alargada comunidade de vocação, com as realizações em curso e isso prova que não devem ser herméticas, pelo contrário, devem-se incrementar vasos comunicantes para todas as comunidades, para com toda a complexa sociedade angolana e para com todo o povo angolano, com os olhos postos numa cultura de inteligência patriótica aberta a todas as sensibilidades! (https://paginaglobal.blogspot.com/2020/03/imensa-gratidao.html; https://paginaglobal.blogspot.com/2020/02/angola-agora-nos-somos-nos-mesmo.html).

Lógica com sentido de vida, geoestratégia para um desenvolvimento sustentável e cultura de inteligência patriótica só poderão existir se o MPLA se reforçar nesse sentido, vocacionando-se e preparando-se para o futuro que impõe amplos resgates que advêm dum passado de séculos! (http://paginaglobal.blogspot.com/2012/12/a-logica-com-sentido-da-vida-i.html; http://paginaglobal.blogspot.pt/2016/01/geoestrategia-para-um-desenvolvimento.html; https://paginaglobal.blogspot.com/2019/04/angola-uma-paz-avida-de-futuro.html).

Estamos ainda muito longe de vencer o subdesenvolvimento em Angola e em África e há que dar passos inequívocos nesse longo caminho de luta, de dignidade, de coerência e de amor solidário que urge recomeçar a trilhar, comprovando que, inequivocamente comprovando, “veio da mata o homem novo do MPLA”! (https://paginaglobal.blogspot.com/2013/12/a-escalada.html).

Julgo que só essa poderá ser a trilha do Programa Maior do MPLA!

Luanda, 11 de Abril de 2020.

 

Comments are closed.